Todos nós temos um pouco de alforreca empalhada, apenas precisamos de a libertar!

§Pesquisa na Alforreca

Google

§Alforreca Patrocinada por:

§Empalhamentos Recentes

§ Mudanças

§ Um ano novo a estrear!

§ Ganga Preta!

§ Idade!

§ A tangerina do comboio!

§ Hoje estou triste!

§ Ouch!

§ Gimme!

§ !

§ Delírio na loja da tmn!

§Empalhamentos Antigos

§ Abril 2008

§ Janeiro 2008

§ Dezembro 2007

§ Novembro 2007

§ Outubro 2007

§ Setembro 2007

§ Agosto 2007

§ Julho 2007

§ Junho 2007

§ Maio 2007

§ Abril 2007

§ Fevereiro 2007

§ Janeiro 2007

§ Dezembro 2006

§ Novembro 2006

§ Outubro 2006

Sábado, 25 de Novembro de 2006

Charlieeeeee

Tenham cuidado com os vossos rins....deliciem-se!

Lançado às alforrecas por Estagiário Farmacêutico às 14:12
Link do post | Empalha uma alforreca | Vê os Empalhamentos (1) | Favoritiza a Alforreca

Levar por trás!

Estava eu ontem muito bem nas aulas teóricas com a Susana e a Catarina, quando eu e a Susana resolvemos que era muito mais interessante discutir a situação do país do que ouvir falar sobre Biologia Molecular e Bacteriologia. Concluindo, falamos de tudo e mais alguma coisa, aborto, educação sexual, casamento e adopção gay, legalização da prostituição, etc!

Foi quando estavamos a falar da legalização da prostituição que ocorreu a situação mais engraçada do mês. Ora vejam lá esta conversa.

Susana- Eu acho que a prostituição deveria ser legalizada. Mas as mulheres deveriam ser obrigadas a usar preservativo!

Alforreca (eu obviamente) - Eu acho que tambem deveria ser legalizada mas elas deviam poder escolher se queriam ou não usar preservativo. Mas o preço com ou sem preservativo devia ser obrigatoriamente igual, de forma a não haver uma pressão para elas fazerem sem preservativo ganhando mais dinheiro e podendo contrair doenças.

S - Pois, mas mesmo assim era dificil de controlar, de certeza que elas iam sempre levar algum por trás...

Neste momento a Catarina que estava a ouvir a aula entra na conversa e diz!

Catarina- Ah, mas para isso existem preservativos próprios!

Pronto eu e a Susana ficamos com uma cara de autenticos parvos porque aquela dos preservativos tinha caido ali vinda do nada.

S- Preservativos?

C- Sim vocês não estavam a falar de levar por trás?

S- Sim, mas estavamos a falar de levar dinheiro por trás......

Pronto, a Catarina ficou assim um bocadinho embaraçada, é o que dá apanhar conversas a meio  Mas sempre ficamos a saber que a Catarina tem uma mente muito preversa! Quem diria! E oh Catarina, explica-me lá, os preservativos não são iguais para a frente e para trás? Pronto é que eu posso ser inculto e não saber

Lançado às alforrecas por Estagiário Farmacêutico às 12:01
Link do post | Empalha uma alforreca | Vê os Empalhamentos (1) | Favoritiza a Alforreca

De olhos bem abertos a ver os olhos bem fechados!

Continuando o último post (sim aquele fim de semana foi a loucura), depois de me deitar às 7 da manhã, acordei por volta da 1 da tarde, para ir fazer um bocadinho dum trabalho que tinha em atraso e tal!

Acordada toda a gente, almoço tomado e casa arrumada, rumámos para o encontro desportivo daquela semana..chegámos a meio mas o que interessa é que chegámos a tempo do futebol .

Mas o melhor vinha a seguir, findado o encontro desportivo, fui ver à Gulbenkian o filme Eyes Wide Shut (De Olhos Bem Fechados!).

De olhos bem fechados, um filme de Stranley Kubrick, conta com os fenomenais desempenhos de Tom Cruise e Nicole Kidman nos papéis principais, entre muitos outros. Este era um filme que eu realmente queria ver, porque quando era mais novo tinha deixado a gravar o filme, já que dava assim a altas horas da noite e naquela altura tinhamos de ir dormir cedinho, e quando o fui ver, pronto, a cassete acabou a meio do filme, deixando-me durante anos num estado de suspense super mega prolongado...por isso era inevitável que eu quisesse ir ver como acabava o filme.

O argumento é brilhante (quando vi pela primeira vez devo ter ficado deslumbrado foi com as cenas do ritual secreto e tal ) e faz mesmo uma pessoa pensar em como certas atitudes podem mudar a nossa vida para sempre...ver o caso da prostituta que descobriu que tinha sida (quem viu o filme percebe...quem não viu não vou contar!).

A mensagem final do filme é fortíssima, como os ciúmes de uma fantasia podem destruir uma relação...algo muito diferente é termos fantasias outra coisa é irmos concretizar essas fantasias...

Honestamente pensei que o filme fosse desvendar  a comunidade secreta e aqueles ritos, mas acabou por deixar muitas portas abertas, o que até acaba por nos levar a fantasiar mais e mais...

E para acabar, soberbo o uso do piano como elemente de suspense e tensão quando o Bill (Tom Cruise) chega a casa e encontra a máscara que usou na cama junto com a Alice (Nicole Kidman). Simplesmente arrepiante....

 

Sinto-me: Satisfeita
Lançado às alforrecas por Estagiário Farmacêutico às 11:40
Link do post | Empalha uma alforreca | Favoritiza a Alforreca
Quinta-feira, 23 de Novembro de 2006

O Jantar e o Karaoke

Se pensam que o meu dia acabou depois da seca do seminário do post anterior, enganam-se! Foi só o tempo de ir a casa mudar de roupa e ala que se faz tarde rumo ao Saldanha? E porquê? Ora bem, aquele sábado foi o dia do tão esperado jantar dos encontros desportivos (aqueles de que eu falo todos os domingos, queixando-me das minhas múltiplas dores!), jantar que a minha pessoa organizou! Foi uma semana completamente louca passada a enviar sms a montes de pessoas a pedir confirmações e a dar informações, enfim uma trabalheira dos diabos que me deixou numa pilha de nervos!

Tão nervoso eu estava que combinei com toda a gente em frente ao Monumental e fiquei desesperado quando vi que à hora combinada não estava lá ninguém.....depois é que me dei conta que tinha combinado no Monumental a pensar no Átrio Saldanha...não comento...ainda bem que o Monumental fica mesmo ali ao lado...fui até lá e lá estava o pessoal todo!

Quando começei a organizar este jantar pensei que fosse pouca gente, umas 10, 15 pessoas no máximo. No fim de contas acabaram por ir mais de 30!  O único problema é que muita gente apareceu à ultima da hora sem confirmação e eu estava com imenso medo que não existisse lugar para toda a gente, mas acabou por haver...ufa

O restaurante, apelidado de O Pátio da Mariquinhas, em Alcântara, era pequenino e acolhedor, e foi completamente preenchido pelos atletas de alto gabarito que nós somos! Digo-vos que a senhora que atendia era um amor de pessoa, 5 estrelas mesmo! Certamente não terá no fim ficado muito satisfeita com a bagunça que fizemos, porque como estavamos distribuidos por 2 mesas corridas, a certa altura começou uma autêntica batalha campal entre as 2 mesas...voaram pedaços de pão, azeitonas, as caixinhas da manteiga e até o próprio cesto do pão

O meu jantar foi uma sopinha (que a carissima Joana me gamou e depois teve de me pedir outra), uns bifinhos com cogumelos (não havia escalopes de vitela afinal) (bifinhos que a Verónica me gamou e teve de me pedir outros) e um bocadinho de mousse de chocolate que eu roubei do Nuno, embora não tenha gostado lá muito! (sim porque a minha mousse também foi gamada e no fim já não havia mais! )

Depois de tão animado jantar, onde só por milagre eu comi alguma coisa e onde me obrigaram a fazer um discurso entre lágrimas e fungadelas, fomos todos para o momento alto da noite! O bar de Karaoke!

Mais uma vez o bar era pequeno mas acolhedor, e a parte de baixo foi reservada só para nós! E mais uma vez começamos uma batalha campal entre outra vez as 2 mesas mas desta vez com as bases dos copos...pena que tenhamos sido apanhados e admoestados ligeiramente!

Mas o momento vibrante, lindo, colossal, foi mesmo o karaoke, onde se cantaram êxitos como o Fame e o Aperta Aperta com Ela, onde eu e a João demonstrámos que dominamos a arte de cantar mal e porcamente! Além disso, descobri que nasci foi mesmo para cantar aquela parte que diz INSTRUMENTAL, onde supostamente não é para cantar mas o pessoal improvisa um IIIIIIINNNNSSSSSTTTTTRRRRRUUUUUMMMMMEEEEENNNNNNNTTTTTTTAAAAALLLL.

Saidos do bar por voLta das duas da manhã, eu fui para casa, convidando a Verónica, o Zé e o Paulo para lá pernoitarem. Claro que deviamos ter ido para a cama...e fomos, às 7 da manhã quando acabamos de jogar Party & Co!

 

E para recordar aquela memorável noite aqui fica este doce!

Sinto-me: Nostálgica
Música: Fame - Irene Cara
tags:
Lançado às alforrecas por Estagiário Farmacêutico às 22:43
Link do post | Empalha uma alforreca | Vê os Empalhamentos (3) | Favoritiza a Alforreca
Quarta-feira, 22 de Novembro de 2006

Uma seca daquelas...

Canonizado, sim canonizado era aquilo que eu deveria ser! Qual Pastorinhos qual quê, devia entrar directamente para a lista de Santos mais Santos do Mundo. Sim, porque quem atura o que eu aturei só pode ser um Santo daqueles que fariam corar a Madre Teresa de Calcutá de vergonha.

Passo a explicar, no sábado dia 11 de Novembro (eu sei que já foi à imenso tempo, mas acreditem que tou a fazer um esforço enorme para me recordar de tudo) eu e a Vera fomos ao Seminário o Farmacêutico e a Qualidade em Sáude, realizado na nossa faculdade pela Ordem dos Farmacêuticos! Graças a muita persistência (ou infernizamento da Susana da papelaria se virmos a coisa pelo seu lado real) conseguimos duas das 50 vagas grátis que disponibilizavam. Tendo em conta que os senhores farmacêuticos tinham de pagar 100 euros e nós nada era mais que motivo para estar contente! Mas as coisas não seriam assim....

Primeiro que tudo, as prendinhas que deram eram de menor qualidade que as do dia anterior, e tendo em conta que para o do dia anterior (ver post da casa de banho e dos bolinhos) tinhamos somente pago 9 euros, ali por 100 euros deviam-nos ter dado um iate no mínimo! Dizem vocês que nós não pagamos nada por isso é que prendas nem vê-las, mas eu andei a fazer pesquisa de campo e reparei que ninguém tinha recebido nada que nós não tivessemos recebido!

Bem, pelo menos vamos ouvir um seminário super interessante, pensámos nós na nossa ingenuidade infantil! Eu bem que desconfiei porque raio é que os senhores (e senhoras) farmacêuticos eram tão desinteressados, uns dormitavam, outros conversavam, outros faziam desenhos e mandavam bilhetinhos. A resposta não tardou a chegar....honestamente nunca fui a coisa tão, mas tão, mas tão enfadonha......os oradores falavam falavam e falavam, mas no fim, informação igual a zero! Ou seja, foi a coisa mais desinteressante de sempre...e pior, foi das 9 da manhã até às 6 da tarde....um verdadeiro teste (passado com distinção) à minha paciência!

Mas o pior de tudo, ainda foi chegarmos à conclusão que daqui a alguns anos teremos de ir a coisas daquele tipo obrigatoriamente, para renovarmos a nossa carteira profissional, e pior, vamos ter de desembolsar! Ou seja, como não podiamos esperar alguns anos pelos suplícios e tortura, tivemos de nos armar em mártires e sofrer já!

Mas nem tudo é horror e drama. Ouve algumas coisas boas.

  • Tive uma óptima desculpa para ir todo pipi e mostrar a minha roupinha gira...ah pois é, uma pessoa tem de se exibir quando pode!
  • Um dos oradores teve uma apresentação brilhante ( uma excepção na monotonia dos discursos) onde apresentava um slide todo branco e outro meio branco, meio preto, com tons de cinzento pelo meio. (obviamente que aquilo era um exemplo muito à frente, não caiu ali do céu)
  • O facto do vice presidente do bastionário dos enfermeiros ter usado o termo cliente em vez de paciente. Ao contrário do que pensava os farmacêuticos aplaudiram e disseram que ele era muito à frente por usar aquele termo!  No entanto, chegamos à conclusão que o nosso professor de Galénica não partilha a mesma opinião que os farmacêuticos do seminário, porque deu uma descasca num colega meu que também foi quando ele se lembrou de usar esse termo durante uma apresentação....resumindo, enquanto estivermos na faculdade nada de falar de clientes!
  • Mas o melhor de tudo, a razão de todo o sacrífico, sim já adivinharam, os bolinhos! Parece que os senhores farmacêuticos não são esfomeados, porque desta vez a Vera conseguiu ir à casa de banho primeiro e ao voltar ainda ter uma data de bolinhos por onde escolher!
Sinto-me: Normal
Lançado às alforrecas por Estagiário Farmacêutico às 18:38
Link do post | Empalha uma alforreca | Favoritiza a Alforreca

Passei!

Foi com uma nota ranhosa, medíocre, horrivel, vergonhosa, decadente, nojenta, mas o que interessa é que passei à porcaria daquele teste de Laboratório de Bioquímica!

9.75, que é a mesma coisa que 10, o que interessa é que não apareceu a nota em vermelho! A partir de 9.5 suspira-se de alívio!

Sinto-me: Assim Assim
Lançado às alforrecas por Estagiário Farmacêutico às 18:22
Link do post | Empalha uma alforreca | Favoritiza a Alforreca
Segunda-feira, 20 de Novembro de 2006

Gulodice

Só para vos mostrar um dos meus chocolates preferidos

Toblerone para sempre!

Sinto-me: Gulosa
tags:
Lançado às alforrecas por Estagiário Farmacêutico às 22:24
Link do post | Empalha uma alforreca | Vê os Empalhamentos (1) | Favoritiza a Alforreca
Domingo, 19 de Novembro de 2006

Mais desporto!

E lá fui eu hoje outra vez fazer desporto com o grupinho do costume, que cada vez aumenta mais e mais!

Todos os santos domingos chego a casa todo rebentado, e hoje até o joelho veio esfolado fruto da prática agressiva de raguêbi, mas cada vez mais satisfeito e bem disposto!

Só digo que estes encontros são uma das melhores coisas de sempre, visto o convívio ser óptimo, tendo em conta que vão pessoas dos 16 aos 40 anos!

Se alguém estiver a ler e quiser vir ginasticar connosco, é muito bem vinda! O único requisito é ter uma open mind  ( e estar na zona de Lisboa também dá jeito!)

E só vos digo que nós jogamos num campo a sério, relvadozinho sintético e tudo, e à borla!

Sinto-me: Estoirada
Música: From Paris to Berlin - Infernal
tags:
Lançado às alforrecas por Estagiário Farmacêutico às 23:10
Link do post | Empalha uma alforreca | Favoritiza a Alforreca

Quem vai à casa de banho não come bolinhos!

Pronto vocês devem estar a pensar que raio de post é este mas tudo tem uma razão de ser!

Na sexta feira de 10 de Novembro (eu sei que já foi há imenso tempo mas uma agenda social preenchida e o teste do post anterior impediram-me de actualizar aqui o blog) eu e a Vera, a minha eterna companheira de sonecas nas aulas, fomos a um simpósio na nossa faculdade sobre Transplantes de órgãos!

O simpósio era interessantíssimo, abordando os aspectos bioéticos do transplante, a colheita de órgãos, os aspectos imunológicos na transplantação e o banco de dadores de células da medula, entre muitas outras coisas!

Além de toda esta informação no inicio ainda nos deram uma pastinha (para juntar à minha já bem grande colecção de pastinhas, um dia destes começo a exigir que venham em todas as cores do arco íris para combinarem com a toilette e tal ) com prenditas lá dentro!

Mas acerca do título! Ora bem, entre as "orações" existiam alguns coffee breaks , onde serviam chazinhos e bolinhos! O que aconteceu foi que naquela faculdade são todos uns esfomeados de primeira. Ou seja, a Vera que nem o pequeno almoço tinha tomado, decidiu que iria compensar essa falta comendo um bolinho ou dois, mas a pobre da rapariga na sua boa fé foi primeiro à casa de banho pensando que na volta ainda existiam bolinhos. Conclusão, quando voltou só já havia um par de maçãs e lá teve ela de ir comprar um quequezito ao bar!

Já a minha mãe me dizia, Fia-te na Virgem e não corras! (acho que a minha mãe nunca me disse nada disto mas ok!)

E porque é que a Vera não conseguiu nenhum bolinho? Primeiro que tudo, como já disse anteriormente as pessoas naquela faculdade são umas esfomeadas. Em segundo lugar, obviamente que ninguém tira só um bolinho, pega num guardanapo e fana logo 2 ou 3 e vai para um cantinho sossegado come-los (que foi o que eu fiz obviamente!). Obviamente que eu consegui o meu quinhão de bolinhos porque além de ser super rápido fui pela esquerda em vez de ir pela direita; eu sei que isto parece meio estranho mas quando nós saimos do auditório existe uma bifurcação com mesas à direita e outras à esquerda, e não sei porque mas toda a gente ia pela direita e eu fui pela esquerda....ainda tenho de fazer um estudo cientifico para estudar esse estranho comportamento!

Bem, enquanto eu comia os meus bolinhos e bebia um cházinho de Marrocos da Lipton, com os novos saquinhos em forma de pirâmide, troquei uns dedos de conversas com o meu antigo professor de bioestatistica, que estava a fazer um doutoramento acerca de um novo método de prever a rejeição de um órgão transplantado 48 horas antes desta acontecer...realmente interessante!

Para acabar, deixo aqui 3 pérolas que foram ditas pelos oradores!

  • Num dos acetatos estava escrito á em vez de à....sim eu sei que é uma coisa mínima mas eles são tão picuinhas connosco que a gente não pode deixar passar nada!
  • Num outro acetato estrava escrito regeição....ok aqui a coisa fica preocupante!
  • E para finalizar, a pérola das pérolas. Parece que quando uma pessoa morre, continua a responder a determinados estímulos com uma certa intensidade. Ora o que a senhora disse foi algo do tipo Quanto mais morto estiver com mais intensidade reage ao estímulo! Pronto não se admirem que daqui a alguns dias apareça no telejornal da TVI uma notícia do tipo: Grave acidente provoca 2 mortos pouco mortos, 3 mortos um bocado mais mortos e 1 definitivamente morto!
Sinto-me: Nostálgica
Música: Radio Orbital para não variar
Lançado às alforrecas por Estagiário Farmacêutico às 21:46
Link do post | Empalha uma alforreca | Favoritiza a Alforreca
Sábado, 18 de Novembro de 2006

Grrr

Porque é que eu não escrevo aqui à imenso tempo? Porque é que já tenho coisas para contar desde a sexta feira passada e não o faço?

Pois eu digo-vos porque! Por causa do meu estudo intensivo para a porcaria do teste de laboratório de bioquímica que fiz ontem que acabou por ser um teste de escolha múltipla a descontar com perguntas idiotas a valer 3 valores.

Enfim, correu incrivelmente mal! Começo a pensar se não será mais fácil não estudar para os testes....é que pelo menos as más notas tinha na mesma mas aplicava o tempo em coisas mais úteis!

E plagiando a incrível Ágata!

Maldita faculdade que me enlouquece, às vezes parece que é bruxedo!

Sinto-me: Nada contente
Música: Rádio Orbital
Lançado às alforrecas por Estagiário Farmacêutico às 14:48
Link do post | Empalha uma alforreca | Vê os Empalhamentos (1) | Favoritiza a Alforreca

§Mais sobre a Alforreca

§Abril 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

§tags

§ todas as tags

§Viagens Alforrecais

§Ajuda a Alforreca

§ Torna-te numa

blogs SAPO

§subscrever feeds